large178n

De que tens medo?

A vida torna-se, por vezes, esmagadora devido aos nossos sentimentos! E temos milhares de sentimentos constantemente a bombardear a nossa vida devido à forma como pensamos, ás nossas expectativas e ás expectativas dos outros, ao medo… aqui vamos nós outra vez com o medo!
Medo de quê? tu és um guerreiro, tu sobreviveste ao nascimento físico que foi a tua primeira grande experiência traumática, sobreviveste ao medo de perder a tua mãe, sobreviveste aos biliões de “nãos” que ouvise na tua infância, sovreviveste às milhares de experiências confusas da tua adolescência, sobreviveste às tuas relações “falhadas”, até sobreviveste ás imensos “disparates” que fizeste toda a tua vida! sobreviveste a tudo o que comeste, ao alcoól, às drogas…
De que tens medo, então?! de falhar? das fobias? falta de dinheiro? de não seres aprovado pelos outros? de não seres amado? … chegaste até aqui, sim? nada até agora te matou, e se te tivesse morto, que importa? a morte não existe, portanto…
A coisa é acalmar e fazer tudo com calma, muita calma, mesmo quando corres podes fazê-lo com calma! quando o teus medos chegam e os teus sentimentos começam a fazer-te sentir terrível, pensa que estás vivo, que todas as tuas partes estão a fazer o que lhes pertence que é tentar falar contigo. O teu corpo emocional, mental, físico e espiritual estão aí a tentar comunicar, dialogar. Estás fora de equilibrio – todas as tuas partes estão a dizer-te PÁRA! então… pára!
Identifica o que começou esse momento de medo, insegurança, dor, tristeza… depois, reverte a situação escolhendo outra linha de vibração! o que queres? estar bem? então escolhe isso! na verdade é tudo decidido por ti. sair de uma perspetiva negativa é uma decisão e para tal necessitas de ESPERANÇA, CONFIANÇA e AMOR – tudo isso vem através de ELEVAÇÃO DA TUA PRÓPRIA CONSCIÊNCIA – essa oportunidade (de elevação espiritual) vem de um momento como por exemplo: medo ou dor.
Até entenderes, em todas as tuas fibras, que tens controlo de tudo, até que sintas gratidão por teodas as oportunidades para elevares a tua frequência (especialmente os momentos em que não te sentes bem), até que consigas cada passo de elevação que surge na tua vida, até que saibas que só tu, e somente tu, pode fazer esse trabalho por ti… os momentos díficeis continuarão a surgir!
É uma questão de atitude por ti próprio, reconhecer que tu és o milagreiro, o mágico, o Merlin, o alquimista! Encontra dentro de ti a vontade, a força, a confiança e o amor por ti mesmo. Nesses momentos acalma o teu ser, conversa com ti próprio, decides o que desejas e faz corresponder a tua vibbração com a mais alta que puderes colocando-te em sintonia com o teu ser superior, tal como, voltar à frequência em que te encontravas antes de te deixares levar pela negatividade!
Tudo é um processo de crescimento, portanto, leva as coisas com calma mas nunca desistas! continua a trabalhar em ti próprio elevando a tua consciência constantemente e sabe que todos os dias, todas as situações são um eespelho da tua frequência interna e mostrar situações e guiar os teus passos. Não te deixes levar pelas situações negativas que observas à tua volta porque o teu futuro ser nada tem que ver com isso. Temos normalmente a ideia errada de que se uma situação é negativa devemos mudá-la através das nossas ações. Não! o que devemos fazer é mudar a nossa frequência vibratória e não focalizar no que observamos. Não existem situações eternas em nenhuma das realidades paralelas que possamos observar ou viver. Sê, então, um veículo para bençãos e acredita que podes criar qualquer coisa que desejes!
Autor: Maria José Antunes. Se desejares ter sessões de cura, ajuda e orientação espiritual ou tornares-te meu Estudante contacta-me para: mariajoseantunes66@gmail.com
PROJETO TERRA LIVRE, Todos os direitos reservados.
Advertisements